Aço tem mínima de um mês na China com previsão de maior oferta; minério de ferro cai

By 8 de novembro de 2018Notícias

Os contratos futuros do vergalhão de aço em Xangai caíram para mínimas em um mês na quarta-feira, em meio a expectativas de uma maior oferta na China ao longo do inverno e do próximo ano, enquanto os futuros do minério de ferro também fecharam em baixa.

Uma cópia de um aviso do governo local de Tangshan, principal cidade siderúrgica da China, mostrou que os planos são de cortes de produção médios de 31,6 por cento nas usinas de aço no outono e inverno, ante uma estimativa anterior de analistas de entre 30 por cento e 35 por cento. No inverno anterior, os cortes foram de em média 42 por cento.

O contrato mais ativo do vergalhão de aço na bolsa de Xangai chegou a cair para 3.914 iuanes (565 dólares) por tonelada, menor nível desde 8 de outubro, antes de fechar com recuo de 1,7 por cento, a 3.930 iuanes.

Os cortes de produção finais nas usinas de Tangshan ainda podem ser menores que a meta da cidade, disse a analista da Argonaut Securities, Helen Lau. “Se a poluição não estiver tão ruim como no ano passado, eles podem permitir que a produção continue”, afirmou.

Os futuros do minério de ferro na bolsa de Dalian fecharam em queda de 0,6 por cento, a 511 iuanes por tonelada.