MATRIZ: Av. Amâncio Gaiolli, 1065 | Guarulhos/SP

|

FILIAL: Av. Marginal José Osvaldo Marques, 2032 Sertãozinho/SP

Confiança da indústria não atingia um patamar tão alto desde 2013. Entenda

Confiança da indústria não atingia um patamar tão alto desde 2013. Entenda

O Índice de Confiança da Indústria, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), cresceu 8 pontos na passagem de agosto para setembro deste ano. Com o resultado, o indicador chegou a 106,7 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos, o maior nível desde janeiro de 2013, quando também registrou 106,7 pontos.

Dezoito dos 19 segmentos industriais pesquisados registraram aumento da confiança de agosto para setembro. O Índice da Situação Atual, que mede a confiança dos empresários no momento presente, cresceu 9,5 pontos e chegou a 107,3 pontos. Já o Índice de Expectativas, que mede a confiança no futuro, subiu 6,3 pontos e atingiu 105,9 pontos.

O que pensam os empresários?

“Na opinião dos empresários, a demanda estaria satisfatória, o nível de estoques está confortável e haveria expectativa de aumento de produção e do quadro de pessoal no curtíssimo prazo. Esse resultado sugere que o pior da crise já foi superado e que o setor teria fôlego para continuar a apresentar resultados positivos no próximo trimestre”, afirma a economista da FGV Renata de Mello Franco.

Há no entanto, uma preocupação do setor com relação aos próximos seis meses. “Uma cautela possivelmente motivada pela incerteza com relação aos rumos da economia após a retirada dos programas emergenciais do governo”, diz Renata de Mello Franco.

Crescimento consistente

O setor industrial parece mesmo estar recuperando a confiança. Caso a alta se confirme após o resultado fechado do mês de setembro, será a quinta evolução seguida. No mês de agosto, o Índice de Confiança da Indústria (ICI) subiu 8,9 pontos , chegando a 98,7 pontos. O resultado anterior refletiu o quarto mês seguido de avanço e recuperou 40,5 pontos dos 43,2 pontos perdidos nos meses de março e abril, uma retomada de 93,8%.

Em agosto, 18 dos 19 segmentos industriais pesquisados tiveram aumento da confiança. O Índice de Situação Atual, que mede a satisfação com o momento presente, subiu 8,7 pontos, atingindo 97,8 pontos. Já o Índice de Expectativas, que mede a confiança no futuro, cresceu 9,1 pontos e passou para 99,6.

Tubos Oliveira possui as soluções que sua empresa precisa

Com esse cenário em constante melhoria, a demanda por tubos de aço está aumentando também. E por isso, nosso trabalho torna-se mais ainda essencial: entregar os melhores tubos de aço para atender suas demandas a hora que for. Com um dos maiores estoques do Brasil, nossa equipe está mais do que preparada para atender e abastecer sua empresa da melhor forma. Conte conosco!

Ícone do Whatsapp branco em fundo verde

Olá!

Gostaria de receber uma ligação?

NÓS TE LIGAMOS
Informe seu telefone que entraremos em contato o mais rápido possível.
Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?
Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.
LIGAR CONTATO